Até o final deste mês temos umas das vistas mais brilhantes da galáxia com 7 estrelas especiais habitando o nosso céu, vou listar elas e como encontra-las. wink.gif

Nosso guia será a constelação de Orion, especialmente o seu cinturão (popularmente chamado no Brasil de três marias), composto de 3 estrelas igualmentes brilhantes. A maneira mais facil de achar Orion neste mês é achar o planeta Vênus (o objeto mais brilhante no céu) e então seguir o olhar para a esquerda até encontrar 3 estrelas perfeitamente alinhadas. Vênus está localizado nas noites (a partir das 19:00) no oeste.

Para a esquerda (leste) o cinturão aponta para a “Estrela do Cão”, esta seria Sirius, a estrela mais brilhante do nosso céu que está na constelação de cão maior. Acima de Sirius temos a estrela Procyon, a estrela mais brilhante da constelação de cão menor e como curiosidade a estrela que respresenta o estado do amazonas na nossa bandeira.

Estas duas estrelas são nossas vizinhas próximas, Sirius está apenas há 8 anos-luz de distancia e Procyon a 11.

Depois temos a estrela Rigel, uma supergigante azul e branca que é o joelho de Orion. Ela é 50 mil vezes mais luminosa que o Sol, é maior que a órbita de Mercúrio. Apesar de ser muito brilhante está 100 vezes mais distante de nós do que Sirius.

Seguindo o cinturão agora para o oeste, chegamos a avermelhada Aldebaran na constelação de Touro (Taurus). Diretamente acima temos Capella na constelação de Auriga. Uma curiosidade é que Capella é uma estrela quádrupla! Olhando para a esquerda (leste denovo) achamos as estrelas gêmeas da constelação de Gêmeos (Gemini), Castor e Pollux, sendo Pollux a mais brilhante das duas.

No centro disto tudo podemos ver a supergigante, Betelgeuse. É uma estrela próxima de sua morte. Seu nucleo de hidrogenio já foi quase todo consumido. Sua atmosfera externa já entrou em combustão logo aquecida ela já se expandiu. Para termos de comparação, Betelgeuse é maior que a órbita de júpiter! Devido ao seu calor ter se espalhado por toda a sua gigante superficie, logo se tornando uma superficie fria Betelgeuse brilha em um tom de vermelho fosco.

Orion, e esse hexagono de brilhantes estrelas, vão abrilhantar nossos céus durante as noites de verão pelo resto das nossas vidas, aproveitem esse final dos dias, pois a partir do dia 1º de junho será quase impossivel observar o cinturão, que nos nossos céus nascerá as 7:10 da manha e irá se por as 19:17. O cinturão soh volta aos nossos céus noturnos por volta do dia 5 de Julho onde ele nasce as 5 da manhã e se põe ainda durante o dia as 17 horas. Depois deste dia ele passa a nascer cada vez mais cedo até chegar a melhor época do ano nos primeiros dias de verão quando Orion têm seu apice por volta da 00:00 e fica bem no centro do nosso céu e basta olharmos reto para cima para sermos agraciados com esta bela visão.

Para quem achou dificil a visualização destas estrelas, abaixo segue um pedaço de uma carta celeste para ajudar vocês:

Clique aqui para visualizar

Advertisements