Analemma e Solstício de Inverno

Analemma nas ruínas de Tholos na Grécia


Se você tirar uma foto do Sol na mesma hora todos os dias, ele continuaria no mesmo lugar? A resposta é NÃO! E a forma que o nosso Sol traça no céu durante o curso do ano é chamada de Analemma. A aparente translação do sol é causada pelo movimento da Terra ao redor do mesmo quando combinado com o inclinamento do eixo de rotação da Terra. O Sol aparece no ponto mais alto do analemma durante o verão e no mais baixo durante o inverno. Nos pontos mais altos dos analemmas podemos identificar os Solstícios (de verão e inverno) e exatemente na metade do caminho entre os solsticios podemos identificar os equinócios.

Lembrando a todos que hoje é nosso solsticio de inverno. Ou seja, é o dia em que o sol está mais longe da terra do ponto de vista da linha do equador. Curiosidades do Solsticio de Inverno é que no nosso hemisfério será a noite mais longa do ano e o dia mais curto. Enquanto acontece o contrário no hemisfério norte. E para quem não sabe (ou nao lembra hehehe), é por causa do Solsticio que existem os trópicos de Capricórnio (hemsf. Sul) e Câncer (hemsf. Norte). Nos solsticio de Verão no hemisfério Norte os raios solares incidem perpendicularmente no Trópico de Câncer e o mesmo acontece aqui no hemisfério Sul no Trópico de Capricórnio quando é o nosso Solstício de Inverno.

Aproveitem a noite mais longa do ano!!! Hoje teremos exatas 12 horas e 49 minutos de noite.

Abaixo alguns analemmas fotografados ao redor do mundo:

Analemma na antiga Nemea

Analemma no templo de Zeus

Analemma visto de Marte

Analemma na Ucrânia.

Advertisements