E o Google hugh? Até com a alta dos preços do petróleo ($108 por barril na última vez que esse desleixado aqui checou) eles saem ganhando… pelo menos é o que o Vice-Presidente Viton Cerf declarou em Seul na reunião da OCDE.

“Aunque no estoy feliz por la subida del precio del petróleo, la industria de Internet podría beneficiarse de ello”

Segundo ele, o valor instável do ouro negro aumentou a demanda por videoconferências e outros tipos de comunicações pela rede, além de aumentar a dependência por serviços de cálculos de rotas que objetivam diminuir o gasto com o delivery do produto.

Interessante… mais videoconferências significam menos viagens, assim como melhores rotas de aviões e caminhões resultam em menores gastos de combustível. Se vc for bobo e ingênuo, até parece que estamos gastando menos petróleo, viva la naturaleza etc… bullshit! A demanda nunca foi tão grande, aqui no Brasil, mesmo com a criação do IOF, as vendas de carros bateram recorde em Janeiro desse ano, nos EUA as indústrias automobilisticas não têm o que reclamar, há cada vez mais gente usando “carros” (leia-se Hammers way of life) para levar seus filhos na escola e ao supermercado, este por último com cada vez mais produtos derivados do petróleo, já reparou que hoje TUDO é embalado? Nem o McCain declarando que o barril pode chegar na casa dos $200 parece amedrontar o mercado, pelo contrário, isso é mais dinheiro dentro do bolo…

Soa meio conspiração Michael Moore né?

pardon me…

É que ando revoltado com o Google por ter anunciado a aposentadoria do Google Browser Sync (no firefox 3 support). Quem usa vários pcs no decorrer do dia como eu sabe como essa extenção é útil. Agora vou ter que caçar com o novo Opera 9.5, que vem com um sincronizador nativo, ou com o foxmarks.

Advertisements